a aveia

CEREAL PARA ADELGAÇAR 

Porque o verão está à porta, e é importante manter as barriguinhas lisas, hoje vou falar-vos da aveia.
A aveia (oats) é um cereal completo, também considerado um dos alimentos funcionais. Pertence ao grupo dos hidratos de carbono, juntamente com outros cereais e tubérculos, como o arroz, o trigo e o centeio, com que se faz as massas, farinhas e pão, e a batata.
A sua função é dar energia – carburar, pôr o motor orgânico a trabalhar, sendo importante manter o seu consumo ajustado ao dispêndio energético, tanto físico como intelectual, do dia-a-dia.
De entre os cereais que ingerimos, a aveia é muito importante para a saúde e a dieta, pois é, deles todos, o mais rico em fibras. Estas fibras melhoram o funcionamento do intestino, diminuem a absorção de colesterol mau, protegendo-nos das doenças cardiovasculares, controlam a glicemia, e iludem a sensação de apetite. Dai serem altamente eficazes para perder uns quilitos a mais, sem nos sentirmos em camisas-de-forças resistindo constantemente ao apelo da comida. Este fenómeno dá-se porque a aveia é um hidrato de carbono completo, de absorção e digestão lenta, fazendo com que a fome demore a voltar.
Para além de todas estas maravilhas, a aveia também é rica em proteínas, vitaminas e minerais como o cálcio e o ferro, tão importantes para o crescimento das crianças. Elas podem a começar a comer as suas primeiras papas de aveia a partir dos 2 anos de idade.
O consumo recomendado é de cerca de 30 gr de aveia por dia, mais ou menos equivalente a 2 colheres de sopa, facilmente incorporadas em várias receitas. Veja como:
Ao pequeno-almoço, com iogurte, fruta e mel ou nas tradicionais papas enriquecidas com leite. Em substituição de qualquer outro tipo de farinha, em qualquer receita: basta triturar no moinho electrico e tem o perfeito substituto, com todas as fibras possiveis. Cá em casa já deixei de comprar pão ralado, uso a aveia em sua substituição, moída mais grosseiramente no moinho. Simples não?
Para rematar o assunto, basta só não esquecer um pormenor importante: com o consumo de mais fibras é indispensável não descuidar o consumo de água.

Almondegas com aveia

1 tigela de carne picada de boa qualidade;
1 chávena de aveia: pode ser amolecida em leite ou pronta a usar ou moída no moinho elétrico;
½ cebola e 3 dentes de alho braqueados em 2 colheres de sopa de azeite;
1 ovo batido;
sal, pimenta e ervas aromáticas a seu gosto.

Misture a carne com os temperos e junte a cebola, adicione a aveia e o ovo batido para ligar. Pode juntar mais leite ou aveia conforme precise apurar a consistência, ou mais um ovo se aumentar as quantidades.
Faça bolas pequenas com o preparado, passe por farinha e reserve.

Prepare um molho de tomate a seu gosto num tacho largo e espalhe as almondegas pelo tacho. Acrescente 1dl de vinho branco para manter o molho. Tape e deixe cozinhar durante 20 a 30 minutos em lume bem brando.
Remate com umas ervas aromáticas no final e sirva com esparguete ou puré de batata e salada.


ARTIGO PUBLICADO NO JORNAL TRIBUNA DE MACAU, a 25 de maio de 2012

Comentários

Mensagens populares