tradições de Natal

BOAS FESTAS

Apesar de estarmos longe, mantemos as tradições porque elas nos aproximam das nossas memórias e das nossas recordações felizes, embora também acredite que podemos e devemos alterar alguns pormenores para surpreender e agradar a todos, mesmo numa época de tradições...

Na minha casa de família é tradição de Natal juntar-se a família para o jantar de 24 de dezembro e fazerem-se as filhoses de abóbora, depois do jantar de bacalhau cozido com couve portuguesa, batata, ovo e muito, muito azeite «do nosso» a regar o prato... que saudades!

Este ano o bacalhau cá em casa, depois de cozido, foi ao forno em pedaços generosos mas ligeiramente limpo de pele e espinhas, em cima de rodelas de cebola finas e com batatas a murro. Tudo polvilhado de sal, pimenta, uma pitada de paprika e regado generosamente com azeite «do nosso» e alho fervido. 

Já as filhoses, na minha casa de família são amassadas por todos os braços femininos da família, logo a seguir ao jantar, e ficam a levedar em alguidar de barro, coberto com um cobertor velho de lã, em frente à lareira até crescerem o dobro. Sendo depois fritas pelas avós ou pelas mães, fazendo turnos, e as netas ficam a salpicá-las de açúcar e canela. Os homens, têm a árdua tarefa de manter a lareira acesa e de ir bebericando cálices de Porto para manter o ambiente na temperatura certa.
A tarefa termina lá pela meia-noite, mesmo a tempo de se abrir as prendas ou aparecer o Pai Natal, se houver voluntários para tal...

Aqui, este ano, a mãe e os filhos, em Macau, não tiveram coragem de ir para a cozinha a seguir ao jantar e as filhoses deste ano só apareceram na mesa de Natal no dia 25 à tardinha...

A receita é da avó - as medidas são a olhômetro:
Cozer uma fatia de abóbora e deixar a escorrer. Num alguidar desfazer a abóbora e juntar 1 a 2 ovos, 1 cálice de Porto ou aguardente, uma raspa de laranja e farinha com fermento de padeiro até obter a consistência elástica e escorregadia que se pretende. 
Envolver o alguidar em panos e toalhas e deixar a levedar numa zona quente até dobrar a massa. Fritar colheradas de massa em óleo quente e polvilhar de canela e açúcar.

 
Paz, Amor e Alegria para todos...



Comentários

Mensagens populares